Saiba mais sobre a sua audição

O que é a audição?

A audição é um dos 5 sentidos. O ouvido é composto por um conjunto de órgãos que nos permietem perceber os sons. Ele transmite as ondas sonoras ao cérebro, por forma a que este as converta posteriormente em informação, dando origem à Audição. A audição é importante porque ficamos conectados com as pessoas e ao ambiente que nos rodeia.

 
 

A perda auditiva afecta o dia a dia de um individuo quer a nível familiar, profissional ou social. Reduz a qualidade de vida e trás em muitas situações problemas emocionais como: isolamento, perda de auto-estima, irritação e discriminação. Em alguns casos, problemas clínicos agravados como zumbidos, desequilíbrio, poderão ocorrer. Não são só pessoas de idade avançada que sofrem de problemas de audição, pessoas de todas as idades, profissões e formas de vida diferentes podem ser afectadas. Hoje é tão natural como ter perda de visão!

O que é perda auditiva?

  • Perda Auditiva
  • Grau de perda auditiva
  • Tipos de perda auditiva

A perda auditiva é uma consequência natural do envelhecimento. Pode afectar aos 30 ou 40 anos de idade, mas prevalece em cerca de 30% da população com mais de 65 anos. À medida que vamos envelhecendo, o nosso sistema auditivo sofre um desgaste diário e afecta a sua eficácia. As pessoas com perda de audição relacionada com a idade também sentem dificuldade em seguir conversas na presença de ruído, causando alguns problemas sociais, psicológicos e físicos.

Como medimos a perda auditiva? O grau de uma perda auditiva é medido através de um exame chamado audiometria que tem como objectivo avaliar a capacidade do individuo para ouvir e interpretar sons em diferentes intensidades. As perdas auditivas são categorizadas como ligeiras, moderadas, severas e profundas.

A perda auditiva neurossensorial ocorre como parte natural do envelhecimento; é responsável por cerca de 90% de todas as perdas auditivas. É causada principalmente por danos às células ciliadas, no ouvido interno e/ou aos nervos utilizados para transmitir o som ao cérebro. Ocorre frequentemente devido a  exposição a sons altos, lesões na cabeça, genética, doenças, tumores e certos medicamentos ototóxica. 

Na perda auditiva condutiva o problema ocorre no canal auditivo externo (ex. cerumen) e/ou no ouvido médio (ex. otites, otosclerose, perfuração timpânica), interrompendo a propagação das ondas sonoras para o ouvindo interno.  

Quando a vida começa a desaparecer

A perda auditiva pode ter um grande impacto, especialmente em situações onde a compreensão da fala é fundamental e o ruído de fundo está presente. Reconhecer os sintomas da perda auditiva é importante. Faça o teste e verifique se falhou a alguma questão ou se alguém próximo precisa de ajuda. 

Consulte um dos nosso profissionais!

Pede, muitas vezes, às pessoas que repitam o que dizem?

Tem problemas para ouvir quando está em em grupo?

Acha que os outros murmuram?

Tem dificuldade em ouvir quando alguém está a falar atrás de si?

Pede para aumentar o volume sa TV ou do rádio no carro?

Ouve com naturalidade em lugares com ruído como restaurantes?